Archive for the ‘2012 ???’ Category

O novo bicho-papão do Fantástico…

17/05/2012

Neomalthusianismo: o novo bicho-papão do Fantástico…

Escrito por Klauber Cristofen Pires | 16 Maio 2012
Media Watch – Outros

Desmistificada a campanha do aquecimento global, o programa Fantástico, da Rede Globo, entra com novo quadro para seguir atemorizando a população, agora com ideias neomalthusianas.

Não constitui nenhum segredo o esforço magistral com que a Rede Globo tentou emplacar a tese do aquecimento global, em notória e estrita fidelidade aos projetos de governança mundial, a cumprir com leal disciplina o seu papel de doutrinadora de massas.

A começar pela divulgação do famoso vídeo de Al Gore, passando por inúmeros programas exibidos em vários horários para difundir a trágica ameaça aquecimentista, pela mobilização de ONG’s de idoneidade discutível, pela apresentação de inserções e vinhetas entre outros programas e culminando especialmente por quadros especiais inaugurados no horário nobre dominical – quem se lembra daqueles programas de gigantescos cubos de carbono? – não há a mais remota chance de esta emissora alegar inocência.

Muito pelo contrário, mesmo diante de respeitáveis opiniões divergentes e de todas as mais relevantes evidências, e ainda, mesmo diante da histórica invasão de hackers que trouxeram ao conhecimento do público vários e-mails da Unidade de Pesquisas Climáticas da Universidade de East Anglia, que faziam parte da comunicação entre influentes cientistas pró-aquecimento global, na qual mostravam claramente a manipulação de dados, a Rede Globo – sempre faço questão de frisar: a despeito de seus pomposamente anunciados “princípios editoriais” – em todas as oportunidades replicou com novas reportagens pretendentes a desmentir os ocorridos e desacreditar os cientistas que já a altura eram pejorativamente alcunhados pelos “aquecimentistas” como “negacionistas”.

Pois, chegado a termo o embuste, selado com chave de ouro pelas últimas declarações do Dr Ricardo Augusto Felício, professor de climatologia da USP, junto à imprensa, em ratificação a anteriores advertências do respeitável Dr. Luís Carlos Molion, nada mais resta da história a não ser identificarmos e gravarmos bem os protagonistas disto que se tornou um verdadeiro crime de estelionato em dimensões mundiais, no mínimo, para vacinarmo-nos contra novas investidas mal-intencionadas.

Ora, dignos leitores, mantenham-se vigilantes, pois novas empulhações já estão sendo anunciadas: refiro-me ao programa do Fantástico intitulado “Planeta Terra: Lotação Esgotada”, a vir ao ar no próximo domingo, dia 20 de maio de 2012, no qual a gigante da TV brasileira visa alimentar nos seus telespectadores o medo da superpopulação do planeta, a partir do requentamento das rechaçadas, rechaçadas e rechaçadas teorias malthusianas e darwinistas, segundo as quais a produção de alimentos não há de acompanhar o crescimento populacional, e que os recursos estão em estado de exaurimento.

Vale a pena reproduzir aqui a síntese, tal como redigida pelos seus responsáveis, seguida dos meus comentários:

Somos 7 bilhões de pessoas. Chegamos ao limite do nosso planeta? Afinal, quantas pessoas a Terra pode suportar? A partir do próximo domingo (20), você vai acompanhar uma investigação que rodou o mundo. Nossos repórteres viajaram pelos cinco países mais populosos da Terra. Eles foram até a África mostrar o continente que mais cresce no mundo e impacto do aumento populacional.

Meu comentário: Só sete bilhões? Por favor, acordem-me quando chegarmos aos setenta! Isto aí não dá nem para encher o estado de São Paulo, mesmo que cada um dos cidadãos morasse em uma mansão. Bom, mas tomando por certo que a África seja o continente de maior crescimento vegetativo, quem disse que ela é o melhor modelo de solução dos problemas da fome, das doenças e da preservação ambiental?

Como podemos alimentar, vestir, fornecer água, energia e moradia para tanta gente? Soluções tecnológicas para gerar energia e produzir mais comida. É possível tirar bilhões de pessoas da miséria sem condenar o ambiente? A luta contra as forças de um planeta maltratado. E os esforços para preservar espécies em extinção. Você vai ver a partir de domingo que vem em uma nova série no Fantástico, “Planeta Terra: Lotação Esgotada”.

A jornalista Sonia Bridi visita os países mais populosos do mundo – China, Índia, Indonésia, Estados Unidos, além do Brasil – e viaja pela África, o continente que mais cresce, para mostrar o que precisa mudar e também algumas soluções sustentáveis que já foram encontradas para preservar espécies em extinção e gerar energia ou mais comida, sem maltratar a natureza.

Meu comentário: que tal a sociedade livre capitalista, sem intervenções estatais? Uma dica: façam um passeio de foguete – ou acessem o Google Earth, que é bem mais barato – e constatem que os países industrializados possuem uma cobertura vegetal bem mais preservada do que os pertencentes ao bloco comunista ou recém-saídos dele, bem como os do primitivo terceiro mundo. A área coberta dos EUA hoje é maior do que no tempo da colonização. Nunca a produção de alimentos foi tão grande – e continua crescendo!

O primeiro episódio da série apresenta soluções encontradas pela China e pelos moradores de Ruanda para garantir o desenvolvimento sustentável das populações. A repórter mostra como os chineses fizeram para controlar o crescimento populacional do país com a política do filho único e, na África, conta a história de Ruanda. O país africano passou por um genocídio étnico em 1994 e conseguiu dar a volta por cima e recuperar a qualidade de vida de seus moradores após o massacre. Através da preservação dos gorilas da Montanha dos Gorilas e do turismo estrangeiro gerado pelo interesse nos animais, eles geram hoje recursos que garantem a sobrevivência da população local.

Proibir as famílias de gerarem um segundo filho e executar a laqueadura forçada das trompas nas mulheres é a solução? Pois saibam que a China enfrenta sim, hoje, um gravíssimo problema de ordem previdenciária, pois a política de filhos únicos provocou uma inversão da pirâmide etária que está para gerar grandes transtornos econômicos de repercussões mundiais. Quanto a Ruanda… abrir zôos é a solução? Aff…

Como se poderá ver, já no primeiro episódio o argumento se pauta pelo controle limitador da população, a legitimar as pesadas campanhas contraceptiva, abortista, eutanasista e gayzista que já estamos faceando em larga escala pelos meios de comunicação.

Jamais na história Thomas Malthus e Charles Darwin deram uma dentro, a não ser olhando para o passado ou tomando como modelo a tenebrosa vida dos animais irracionais na natureza. A liberdade dos seres humanos sempre estimulou a criatividade, com resultados cada vez mais fantásticos de produtividade na produção de alimentos, geração de energia, educação, comunicação, vestuário, transporte, medicina e todos os outros âmbitos da vida material.

A grotesca proposta sociológica – estudar a população para manipulá-la como um um terno jogo de lego – não passa de arrogante cientificismo que se jacta do alto de sua soberba ignorância e magnificentíssima insignificância a fim de pretender ocupar um lugar que jamais será seu por direito: o trono de Deus.

Aqueles que pregam as teorias malthusianas e darwinistas – que não são outros que não os coletivistas socialistas – somente têm em mente construir os seus mirabolantes planos para dominar a sociedade com o fito de viver nababescamente às custas do trabalho dos demais. Como diz o ditado popular: “enquanto houver cavalo, São Jorge não anda a pé”. Quem quer carregar estes tipos nas costas?

Fonte : http://www.midiasemmascara.org/mediawatch/outros/13063-neomalthusianismo-o-novo-bicho-papao-do-fantastico-.html

Fema no Fantastico apartir de 20/05

17/05/2012

Sônia Bridi apresenta ”Planeta Terra, Lotação Esgotada”

SÃO LUÍS – A população mundial chegou à marca de sete bilhões de pessoas. Será que estamos no limite do planeta? Como é possível alimentar, vestir, fornecer água, energia e moradia para tanta gente sem comprometer o futuro do meio ambiente? São essas questões que a nova série do Fantástico pretende discutir, a partir do próximo domingo (20). O especial “Planeta Terra, Lotação Esgotada”, que conta com cinco episódios, adianta a reflexão sobre os principais temas que serão discutidos, em junho, na Rio+20 – conferência da ONU que reúne líderes do mundo todo para debater meios de transformar a Terra em um lugar melhor para se viver.

A jornalista Sonia Bridi visita os países mais populosos do mundo – China, Índia, Indonésia, Estados Unidos, além do Brasil – e viaja pela África, o continente que mais cresce, para mostrar o que precisa mudar e, também, algumas soluções sustentáveis que já foram encontradas para preservar espécies em extinção e gerar energia ou mais comida, sem maltratar a natureza.

O primeiro episódio da série apresenta soluções encontradas pela China e pelos moradores de Ruanda para garantir o desenvolvimento sustentável das populações. A repórter mostra como os chineses fizeram para controlar o crescimento populacional do país com a política do filho único e, na África, conta a história de Ruanda. O país africano passou por um genocídio étnico em 1994 e conseguiu dar a volta por cima e recuperar a qualidade de vida de seus moradores após o massacre. Através da preservação dos gorilas da Montanha dos Gorilas e do turismo estrangeiro gerado pelo interesse nos animais, eles geram hoje recursos que garantem a sobrevivência da população local.

A série “Planeta Terra, Lotação Esgotada” estreia neste domingo, no Fantástico. O programa vai ao ar logo após o Domingão do Faustão.

Fonte : http://imirante.globo.com/namira/noticias/2012/05/15/pagina308425.shtml

Fonte : http://fantastico.globo.com/Jornalismo/FANT/0,,MUL1680313-15605,00-PLANETA+TERRA+LOTACAO+ESGOTADA+DISCUTE+IMPACTO+DO+CRESCIMENTO+POPULACIONAL.html

Cofre do fim do mundo ???

20/04/2010

Nova Arca de Noé ???

O Banco Global de Sementes…

Henry Kissinger [1] declarou nos anos 70 o seguinte: “’se controlarmos o petróleo, controlamos o mundo; se controlarmos os alimentos, controlamos a população…”

A origem espiritual do Banco global de sementes

Bahá’u’lláh assevera que “Especial atenção deve ser dada à agricultura”. Mesmo no século 19 ele já sabia que a terra passaria por transformações por esse motivo todos os governantes receberam um livro chamado “A promessa da paz mundial” (um resumo das leis do kitáb), dessa forma todas as nações começassem a cooperar com o banco global de sementes.
Na media que chegamos mais próximos do estabelecimento do seu governo espiritual e material na terra, as regiões celestiais do mal, através de seus agentes humanos, começaram a divulgar dezenas de mapas catastróficos .

Afirmar que esses eventos ocorrerão em 2012 é loucura! Nem mesmo o Senhor Jesus divulgou qualquer data sobre esse evento:

Mas daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos do céu, mas unicamente meu Pai. (Mateus 24 : 36)

Após o surgimento desse boato no mundo espiritual e posteriormente recebido por médiuns através de canalizações, todos os aderentes da nova era começaram a criar projetos para “salvar” as plantações no planeta.

A origem Material do Banco global de sementes

Para começar a “construir” o paraíso na terra satanás está usando dois eventos de forma simultânea que são:

1) A rodada de Doha na OMC, que visa diminuir as barreiras comerciais em todo o mundo, está abrindo as portas para o futuro Banco global de sementes. Estima-se que ainda esse ano as negociações da rodada de Doha sejam concluídas[2].

2) O segundo evento diz respeito ao tipo de pessoas que podem investir nesse mercado milionário para controlar povos e nações. Somente pessoas que estiveram muito a frente de seu tempo poderiam realizar tal façanha como: Bill Gates [3] e os Rockfeller.
De olho nesse novo mercado Bill Gates e Rockefeller, através de suas respectivas fundações isentas de impostos investiram durante anos nesse projeto que agora se concretizou. A nova forma de ganhar dinheiro dos globalistas já começou a receber os seus depósitos em sementes

Paises como o México já começam a cooperar com o governo mundial da ONU depositando suas sementes. Três toneladas de sementes de milho e trigo partiram do México no dia 23/01/08 rumo a um depósito sob o gelo construído em uma ilha da Noruega, no Circulo Ártico. Ali serão armazenadas junto a 200 mil variedades de outras plantas da Ásia, África, América Latina e Oriente Médio.”

As conseqüências para a humanidade

O que a Bíblia diz sobre isso?

Fora está a espada, e dentro a peste e a fome; o que estiver no campo morrerá à espada, e o que estiver na cidade a fome e a peste o consumirão. (Ezequiel 7 : 15)

O mercado global de sementes está projetando para a sociedade uma época de conflitos e sofrimentos para a população da cidade e do campo. Além de controlar a população os globalistas também possuem em suas mãos o direito de decidir o que será plantado e qual o tipo de alimentação o governo mundial quer que as pessoas consumam.

A fé baha’i está criando uma sociedade global totalmente vegetariana. No texto abaixo extraído de outro livro de Abdu’l’bahá chamado de “promulgação da paz universal” ele responde a essa pergunta para os globalistas:

Pergunta: Qual será o alimento do povo unido?
Resposta: “À medida que a humanidade evolui, a carne será cada vez menos usada, pois os dentes do homem não são carnívoros.” Mais adiante ele afirma : “ Os dentes humanos, os molares, são formados para triturar grãos. Os dentes dianteiros, os incisivos, são apropriados para frutas, etc. Por isso, de acordo com os implementos para a alimentação, torna-se evidente que o alimento do homem deve ser grãos e não carne. Quando a humanidade estiver mais plenamente desenvolvida, comer carne será gradualmente abandonado.

Em quanto o livro da Besta proibirá o consumo de carne pela mentira, a Bíblia mostra mais uma vez o contrário:

Proibindo o casamento, e ordenando a abstinência dos alimentos que Deus criou para os fiéis, e para os que conhecem a verdade, a fim de usarem deles com ações de graças; (I Timóteo 4 : 3)

Referências:

[1] – Kissinger foi conselheiro para a política estrangeira (1968-1976) de todos os presidentes dos EUA de Eisenhower a Gerald Ford, sendo o secretário de Estado

[2] – Conclusão da Rodada Doha em 2008 é questão de necessidade para ministros.
http://ultimosegundo.ig.com.br/economia/2008/01/26/conclusao_da_rodada_doha_em_2008_e_questao_de_necessidade_para_ministros_1167248.html

[3] – Site da Fundação Bill e Melinda Gates
http://www.gatesfoundation.org/GlobalDevelopment/Agriculture/default.htm

O que Bil Gates está escondendo?

http://www.globalresearch.ca/index.php?context=va&aid=7529

Fonte: http://apocalipsetotal.blogspot.com/2008/01/o-banco-global-de-sementes.html

Série a chegada…1/34

18/02/2010

A Chegada – parte 1

Fonte : http://spirittvonline.blogspot.com/

Nova Ford Ranger……Mensagem subliminar ?

15/01/2010

Qual seria o motivo da Mensagem ? Simplesmente um novo modelo de veículo ?

Estranho comercial da MTV…

15/01/2010

Fonte: profetaweb.wordpress.com